• Bateria MAC - Bateria Montreal de Avaliação da Comunicação (obra completa)

Bateria MAC - Bateria Montreal de Avaliação da Comunicação (obra completa)

  • Editora: PRO-FONO
  • Autor: FONSECA
  • Produto disponível


  • R$456,00


Especificação
Título BATERIA MONTREAL DE AVALIACAO DA COMUNICACAO
Autores(as) Rochele Paz Fonseca/ Maria Alice de Mattos Pimenta Parente/ Hélène Cote/ Bernadette Ska/ Yves Joanette
ISBN 9788585491932
Edição / Ano 1/2008
Dimensões 33x24x5
Descrição
Esta obra completa é composta por um Manual Introdutório, um Protocolo de Registro, um Manual de Aplicação e de Pontuação, um Livro de Estímulos, duas triagens de avaliação (versão profissionais da saúde e versão familiares) e um CD contendo os estímulos prosódicos e arquivos para impressão.

A Bateria Montreal de Avaliação da Comunicação - Bateria MAC (tradução e adaptação para o Português Brasileiro do instrumento original canadense Protocole Montréal d`Évaluation de la Communication - Protocole MEC) é fruto de um trabalho de cooperação internacional entre Brasil (Fonoaudiólogas Rochele Paz Fonseca e Maria Alice Parente, Universidade Federal do Rio Grande do Sul) e Canadá (Fonoaudiólogos Yves Joanette, Hélène Côté e Bernadette Ska, Universidade de Montreal). Foi desenvolvida, especificamente, para a avaliação dos indivíduos lesados de hemisfério direito.
As lesões de hemisfério direito, geralmente com seqüelas mais sutis, não afetam diretamente a forma da linguagem como a fonologia ou a sintaxe, mas seguramente prejudicam os componentes do discurso e da pragmática. Uma pessoa com uma lesão de hemisfério direito pode, entre outros sintomas, apresentar dificuldades de respeitar as regras de comunicação em situações de conversação; de transmitir as intenções comunicativas baseadas nas emoções que modulam os parâmetros prosódicos da sua fala ou, ainda, de compreender a utilização do sentido indireto ou figurado da linguagem. Essas alterações comunicativas têm um impacto funcional e psicossocial importante para o indivíduo lesado de hemisfério direito; entretanto, os indivíduos afetados ainda passam despercebidos pelos profissionais da saúde.

Ressalta-se, entretanto, que as alterações de linguagem que acompanham a lesão de hemisfério direito não são exclusivas desta população neurológica. Efetivamente, déficits similares podem ser observados em indivíduos com traumatismo crânio-encefálico ou com uma demência, mesmo quando o hemisfério direito não é diretamente afetado. Pode-se, ainda, observar falhas discursivas e léxico-semânticas nos indivíduos com uma lesão cerebral esquerda.

A Bateria MAC avalia quatro processamentos comunicativos por meio de catorze subtestes: discursivo, pragmático, léxico-semântico e prosódico. Pode ser utilizada na clínica com populações neurológicas com os seguintes quadros: lesão de hemisfério direito, lesão frontal, traumatismo crânio-encefálico, demências, afasias etc.

As clínicas fonoaudiológica e neuropsicológica brasileiras passam a contar com um instrumento que auxiliará no diagnóstico de distúrbios comunicativos ligados ao hemisfério direito, com normas, validade e confiabilidade para indivíduos de 19 a 75 anos de idade e diferentes níveis de escolaridade.

Enfim, a publicação da Bateria MAC começa a suprir a importante lacuna que há na avaliação da cognição humana: instrumentos teoricamente embasados adaptados à realidade lingüística, social e cultural do Brasil.
Comentários (0)

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.