• Educacao de surdos pelos próprios surdos

Educacao de surdos pelos próprios surdos

  • Editora: CRV
  • Autor: WITKOSKI
  • Produto disponível


  • R$35,88


Especificação
Título EDUCACAO DE SURDOS PELOS PROPRIOS SURDOS
Autor(a) Sílvia Andreis Witkoski
ISBN 9788580424614
Edição / Ano 1/2012
Número de Páginas 114
Dimensões 21x14x1
Capa BROCHURA
Descrição
Sinopse

No transcorrer deste livro o leitor encontrará a discussão do tema “educação de surdos e inclusão” construída por meio dos discursos sinalizados pelos próprios sujeitos, a partir do olhar (de dentro) de quem é surdo e conhece, de forma visceral, as experiências da “inclusão”, enquanto que a educação que almejam ainda se constitui em uma exceção à regra. São sujeitos historicamente silenciados pelos estigmas e preconceitos que lhes são atribuídos e para quem são construídas políticas educacionais a partir da perspectiva inclusiva ouvinte. A leitura presente leva o leitor a conhecer e entender qual a educação que os surdos defendem, e porque a grande maioria se opõe à política educacional que prevê sua inclusão indiscriminada no ensino regular, o que subtrai o direito legalmente previsto em lei, de que possam receber uma educação bilíngue em escola própria. Nesta perspectiva, destaca-se que ensino bilíngue tem, como eixo de sustentação, a Língua de Sinais como língua de instrução para o surdo, e a língua oral oficial do país como segunda língua. E somente num ambiente linguístico naturalmente bilíngue é que este aluno terá, de fato, a possibilidade de construir-se enquanto sujeito usuário da Língua de Sinais como primeira língua, promovendo a aprendizagem da língua oral por meio da metodologia de segunda língua.
Sumário
SUMÁRIO

APRESENTAÇÃO

2 - HISTÓRIA DE VIDA

3 - ESCOLA ESPECIAL: Ensino fraco e ouvintista

4 - A DUPLA JORNADA DO PASSADO AO PRESENTE E AS IMPLICAÇÕES FAMILIARES

5 - A INCLUSÃO NA ESCOLA REGULAR

6 - A INCLUSÃO NO ENSINO SUPERIOR

7- LETRAS E LIBRAS: um referencial de ensino bilíngue

8 - ESCOLA BILÍNGUE

9 - INCLUSÃO DE SURDOS: Um conceito diferenciado

REFERÊNCIAS
Comentários (0)

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.