• Disfagia No Idoso

Disfagia No Idoso

  • Editora: BOOK TOY
  • Autor: VENITES
  • Produto disponível

  • de: R$95,00
  • por:

    R$85,00



Calcule prazo de entrega e frete:

Calcular

Este guia prático, de caráter inédito no Brasil, se propõe a nortear a atuação fonoaudiológica  junto ao idoso disfágico em cenários diferentes, abordando as mudanças que ocorrem na fisiologia da deglutição decorrentes do envelhecimento, suas implicações para o idoso, as doenças tipicamente geriátricas que desestabilizam esta função, bem como a avaliação, as possibilidades de tratamento e a interface multiprofissional na disfagia do idoso.

Prefácio 1
O mundo terá 2 bilhões de idosos em 2050. A OMS diz que- "envelhecer bem deve ser prioridade global"

A frase acima evidencia que, se teremos 2 bilhões de idosos em breve, sendo que o número de pessoas com mais de 60 anos de idade deve triplicar até 2050, todos nós teremos que nos preparar de alguma forma para um novo mundo que, de certa forma, não sabemos como será. Sendo assim, um livro que trate da disfagia do idoso já é um best seller, pois, afinal, quantos profissionais estão preparados para lidar com pessoas que poderão apresentar alterações diferentes, incluindo ai a problemática da deglutição?
O livro "Disfagia no Idoso" organizado por Tereza Bilton, Luciane Soares e Juliana Venites, composto com 22 capítulos, os quais foram escritos por 40 profissionais especializados no assunto, é de fundamental interesse para o estudo e aprofundamento daqueles que já trabalham na área ou que querem iniciar sua jornada no atendimento a pacientes portadores de disfagia.
O livro contém um capítulo introdutório sobre o envelhecimento populacional, que discorre sobre a mudança de paradigma na área da saúde. A partir dai os autores dividem o livro em três módulos: 1. Compreendendo a saúde do idoso disfágico; 2. A atuação fonoaudiológica na disfagia do idoso; e 3. A importante e fundamental interface multiprofissional, na disfagia do idoso.
Para compreender a saúde do idoso disfágico, os autores discorreram, no primeiro módulo do livro, sobre a fragilidade e as síndromes geriátricas; a sarcopenia; os acidentes vasculares encefálicos, as demências e a doença de Parkinson.
O segundo módulo foi dividido em doze capítulos essenciais para a avaliação e o tratamento da disfagia. Os capítulos abordam a presbifagia e disfagia no idoso, a avaliação clínica e instrumental, assim como as medidas objetivas na videofluoroscopia da deglutição. Nesse segundo módulo, os autores ainda discorrem detalhadamente sobre as condutas no manejo da disfagia, tanto do idoso colaborativo como do idoso comatoso; também são revistos os objetivos terapêuticos e as possíveis indicações da via alternativa.
Além de todo o excelente conteúdo já abordado no primeiro capítulo e no primeiro módulo, no segundo módulo também foram abordadas as técnicas de trabalho mais recentemente utilizadas pelos profissionais especializados na avaliação e no tratamento da disfagia, tais como: a estimulação tátil, térmica e gustativa; o uso da bandagem; a finalidade e o uso da eletroestimulação; assim como os exercícios e as manobras mais utilizados na terapia e os cuidados paliativos e manejos da saliva.
Ainda no segundo módulo, foi abordado o idoso na unidade de terapia intensiva, assim como as particularidades do atendimento em diferentes campos de atuação: seja no domicílio, em ambulatórios e/ou nos residenciais. Seguem-se informações sobre a atuação fonoaudiológica junto à família e ao cuidador, lembrando da importância de conhecer as características do cuidador, quando orientado sobre as estratégias no manejo do paciente com disfagia.
Para finalizar esse excelente livro, o terceiro módulo trata da importantíssima interface multiprofissional na disfagia do idoso, comentando-se o trabalho e a discussão conjunta entre o fonoaudiólogo com a nutricionista, e o fisioterapeuta. Ainda em alguns casos, sabemos quanto a atuação conjunta dos profissionais da Odontologia e da Psicologia pode favorecer a melhora do paciente atendido.
Enfim, eu recomendo este livro a todos aqueles que estão, ou pretendem estar, envolvidos com o paciente portador de disfagia e todas as suas consequências.
Este livro deverá ser o livro de cabeceira dos profissionais que atendem, ou pretendem atender, pacientes disfágicos.
Parabenizo os autores e recomendo o livro por seu conteúdo e abrangência na área.

Irene Marchesan

Envelhecimento Populacional – epidemiologia e mudanças no paradigma na saúde
Síndromes geriátricas e fragilidade: o que torna o idoso vulnerável?
Sarcopenia
Acidente vascular encefálico
Demência
Doença de Parkinson
Presbifagia, disfagia no idoso e disfagia sarcopênica
Avaliação clinica da deglutição
Avaliação objetiva da deglutição: videoglutograma e videonasofibrolaringoscopia da deglutição
Medidas objetivas na videofluoroscopia da deglutição
Condutas no manejo da disfagia no idoso (condutas para o idoso colaborativo e comatoso, objetivos terapêuticos, indicação de via alternativa)
Recursos fonoaudiológicos no idoso disfágico não colaborativo
Bandagem elástica: o uso do método Therapy Taping em idosos
Eletroestimulação
Abordagem fonoaudiológica no contexto alimentar e estratégias de intervenção ativas
Cuidados paliativos e manejo da saliva
O idoso na unidade de terapia intensiva
Estratégia e práticas no atendimento em diferentes campos de atuação: domicilio, ambulatórios e residenciais
Atuação fonoaudiológica junto a família e ao cuidador: das características do cuidador ás estratégias no manejo da disfagia
A interface com nutrição
A interface com fisioterapia
A interface com odontologia


Mais Informações
Título DISFAGIA NO IDOSO
Autores(as) Juliana Venites/ Luciane Soares/ Tereza Bilton
ISBN 9788565027885
Edição / Ano 1/2018
Número de páginas 240
Dimensões 28x21x3
Capa BROCHURA

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado!
    Ruim           Bom